22 de mar de 2014

UM PAPA TUITEIRO.

WEB OFICIAL da Província Santa Rita de Cássia
Brasil

papa00 200
Pesquisa indica que papa Francisco é o mais "retuitado" do mundo. "Obrigado por todas as manifestações de carinho no aniversário de pontificado. Por favor, continuai a rezar por mim", tuitou ele recentemente.
 

O papa Francisco agradeceu pelo Twitter nesta segunda-feira todas mensagens de afeto que recebeu nos últimos dias por ocasião de seu primeiro ano como pontífice da Igreja Católica, desde que foi eleito em conclave sucessor de Bento XVI em 13 de março de 2013.
 
papa01 650

"Obrigado por todas as manifestações de carinho no aniversário de pontificado. Por favor, continuai a rezar por mim", escreveu o papa quatro dias depois do evento.
Na quinta-feira passada, quando completou o primeiro aniversário de sua eleição, Bergoglio estava na cidade romana de Ariccia realizando exercícios espirituais em virtude da próxima Semana Santa e dedicou o dia a rezar.
papa02 600
Neste dia, o pontífice publicou no Twitter um breve "Rezai por mim", o mesmo pedido que fez há um ano fez ao aparecer na varanda da Basílica de São Pedro para se apresentar ao mundo.
edição: frei Mason

SEMINARISTAS DA ARQUIDIOCESE DE VITÓRIA-ES PROMOVEM SEMANA MISSIONÁRIA NA “IGREJA IRMÃ DE LÁBREA-AM”.

Prelazia de Lábrea
Lábrea-AM



Na alegria da construção do Reino, os seminaristas Jones, Alessandro e Alexandre, todos da Arquidiocese de Vitória-ES, promoveram na primeira semana de janeiro deste ano de 2014, a Semana Missionária no Setor 1 da paróquia Nossa Senhora de Nazaré (Prelazia de Lábrea). Na semana seguinte fizeram uma experiência junto aos povos ribeirinhos e indígenas no Belo Monte e na Comunidade São Jerônimo (Canutama).
Realizaram visitas domiciliares, participam de formações e também celebram, além de conhecerem um pouco do trabalho das pastorais Urbana, Indígena e Ribeirinha.
 
Para o coordenador de Pastoral da Prelazia de Lábrea, padre Éder Carvalho, a primeira experiência deve ser de partilha de vida. "Muitas vezes nós achamos que vamos levar o conhecimento, a sabedoria, mas na verdade a nossa missão é partilhar a vida, compreendendo o Mistério da Vida para estarmos próximos. O objetivo principal desta experiência é amadurecer a vocação missionária dos seminaristas, que a partir do partilhar a vida e a fé, descobrem na pluralidade dos povos e das culturas a presença do Espírito que nos antecede na missão".
 

 Seminaristas da Arquidiocese de Vitória-ES celebrando com o bispo, Dom Jesus Moraza, oar
 
 

21 de mar de 2014

ACONTECEU NA FAZENDA DO CENTRO O RETIRO COM OS FRADES DA REGIÃO DO ESPÍRITO SANTO.

Paróquia Nossa Senhora da penha
Castelo-ES



Nesta última quinta-feira passada (20-03-2014) aconteceu na Fazenda do Centro – município de Castelo-ES, o primeiro retiro do ano com os frades agostinianos recoletos das comunidades de Muqui, Castelo, Cachoeiro do Itapemirim e Vitória.
Iniciamos com a oração da Liturgia das Horas, logo depois refletimos com base no texto: “A COMUNIDADE, PALAVRA ENCARNADA – LUZES PARA O CAMINHO”. Depois de um delicioso almoço, alguns frades já voltaram para suas comunidades e outros ficaram um pouco mais desfrutando dos ares do campo.
Frei Ricardo, oar
 





ACONTECERÁ O ENCONTRO COM OS JOVENS DAS PARÓQUIAS AGOSTINIANAS RECOLETAS DAS CIDADES DE IGARAPAVA, FRANCA, RIBEIRÃO PRETO E SÃO PAULO NESTE FINAL DE SEMANA (22 e 23-03-2014).

Paróquia Santa Rita de Cássia
Igarapava-SP



Neste próximo final de semana, dias 22 e 23 de março de 2014 iniciará a partir das 16 hs o ENCONTRO COM OS JOVENS DAS PARÓQUIAS AGOSTINIANAS RECOLETAS DAS CIDADES DE IGARAPAVA, FRANCA, RIBEIRÃO PRETO E SÃO PAULO na Paróquia de Santa Rita de Cássia da cidade de Igarapava-SP. As palestras serão ministradas por Frei Hélton e Frei Wagno.
Contamos com os jovens de nossas paróquias do Estado de São Paulo.

Colaboração: João Fernando
 

VISITA DOS JOVENS E PASTORAL DA SOBRIEDADE DE MUQUI À CASA REVIVER DE MIMOSO DO SUL.

Paróquia São João Batista
Muqui-ES




No último dia 12 de março de 2014, os adolescentes e os coordenadores do EAC (ENCONTRO DE ADOLESCENTES COM CRISTO) da Paróquia Agostiniana Recoleta São João Batista da cidade capixaba de Muqui, juntamente com a Pastoral da Sobriedade da mesma paróquia, realizaram uma visita à CASA REVIVER na vizinha cidade de Mimoso do Sul. Esta casa acompanha pessoas que passam por problemas de alcoolismo ou/e de drogas. Foi uma momento de muito aprendizado para adolescentes de nossa paróquia que puderam conviver com a realidade da consequência deste mal que muito prejudica nossas famílias.
PASCOM - Paróquia São João Batista - Muqui-ES.
 
 




 

CELEBRAÇÃO DA PASTORAL DO MENOR EM MUQUI-ES.

Paróquia São João Batista
Muqui-ES



No último dia 15 de março de 2014, Frei Wesley, irmão religioso cooperador na Paróquia Agostiniana Recoleta São João Batista da cidade de Muqui-ES, juntamente com a Pastoral do Menor daquela paróquia, realizou uma celebração com as crianças no bairro Alto Boa Esperança.
 
Agradecemos ao Frei Wesley e a todos que colaboraram para que esta celebração acontecesse.
Frei Ricardo, oar










VISITA DAS MONJAS AGOSTINIANAS RECOLETAS DE GUARACIABA DO NORTE AO SEMINÁRIO TEOLÓGICO SANTA MÔNICA-SP.

Seminário Santa Mônica
São Paulo-SP





 Os professos Frei Fernando e Frei Rhuan com as monjas Agostinianas Recoletas no refeitório do seminário.
Foi com bastante alegria que nesta última quinta-feira (20-03-2014), a nossa comunidade do Teologado Santa Mônica da cidade de São Paulo-SP recebeu a visita de algumas de nossas irmãs, Monjas Agostinianas Recoletas (Monjas de Clausura) do Mosteiro de Nossa Senhora de Guadalupe, que fica localizado na cidade cearense de Guaraciaba do Norte. Elas são mexicanas e vieram renovar o visto para permanecerem em terras brasileiras.
 
Oh! Como é bom e agradável viverem unidos os irmãos e irmãs!!!

Frei Ricardo, oar
 
 




17 de mar de 2014

A ATUALIDADE DE SANTO AGOSTINHO.

Província Santa Rita de Cássia
Brasil

agost atual
O ser humano de hoje pode encontrar em Santo Agostinho uma resposta a seus problemas.

Muitos se encontram desorientados ante as promessas de um progresso e modernidade que não satisfaz a sede do Transcendente.

É impressionante em nossos dias o interesse que as obras de Agostinho de Hipona vem despertando na juventude estudiosa, até mesmo de outras religiões.
Ele é, sem sombra de dúvida, o grande Mestre do Ocidente. Para a filosofia cristã é um referencial obrigatório.
O ser humano moderno, porém, vai buscar no autor das Confissões uma resposta a seus problemas, desorientado ante as promessas de um progresso que não lhe satisfaz a sede do Transcendente.
Ante a caducidade dos bens terrenos e o insaciável de seus desejos, ante a atração irresistível de um ideal nunca realizado nas estreitezas e misérias da vida, ante o mistério insondável da eternidade, o ser racional, mais do que nunca, sofre torturas indizíveis, angustias imensas de uma pessoa em anelos da realização de sua plenitude.
É esta insofreguidão de base metafísica, inseparável à natureza humana, seu tormento e sua glória, que faz do homem um animal racional glorioso, o qual possui uma alma que quer alçar vôos ao infinito. Seus anseios não estão encerrados em terrenos horizontes.
O ser humano de hoje, porém, assiste uns após outros no trono de suas quiméricas adorações subir e tombar ídolos fugazes e impotentes e, nesta queda sucessiva das falsas opiniões dos falazes arquitetos de idéias, com a experiência repetida de desenganos dolorosos, ele sente enraizar dentro de si a dúvida e, com a dúvida, a tortura, o desespero e com ela a grande decepção de sua inteligência embaída.
Sai então à cata de um doutrina que lhe restitua a dignidade de ser pensante na busca da Verdade e do Bem, libertando-o de seus desenganos.
Para tanto nada melhor do que entrar em contato com o pensamento agostiniano, pois grande é a sua modernidade.
Quem estuda com atenção os Documentos do Concílio Vaticano II e conhece os escritos de Santo Agostinho percebe ao vivo como os textos conciliares estão impregnados da mensagem agostiniana.
Muitas vezes candentes enunciações são transcritas, como na Constituição Pastoral Gaudium et Spes no capítulo primeiro que trata da dignidade da pessoa humana, citando a famosa expressão de Santo Agostinho, que patenteia a imperiosa necessidade da abertura para o Ser Supremo:
Fizestes-nos para Vós, Senhor, e o nosso coração permanece inquieto enquanto em Vós não descansar. (Confissões I,1).
 
Dostoiewiscky, num instante de formosa inspiração, com razão, proclamou bem na linha do Hiponense, que o incomensurável e o infinito são tão necessários ao ser humano como o pequenino planeta que ele pisa.
A Constituição Dogmática Lumen Gentium, entre outras, traz esta belíssima assertiva da Cidade de Deus, referente à Igreja que entre as perseguições do mundo e as consolações de Deus avança peregrina através da História.
A Dei Verbum sobre a Revelação Divina várias vezes apela para este Doutor como base do ensinamento em questão. O mesmo fazem os Padres Conciliares nos outros documentos.
O Papa Paulo VI nutria uma especial admiração por Santo Agostinho que para ele era inigualável mestre da vida espiritual e cristã em que se pode encontrar as expressões mais felizes, atrativas, comprometidas e confortáveis que se poderia encontrar no vocabulário do nosso colóquio com Deus e com a alma.
O Papa João Paulo II escreveu uma memorável Carta Apostólica por ocasião do XVI centenário da conversão de Santo Agostinho, ostentando que este fato foi um marco na História do cristianismo.
Esta influência profunda de Santo Agostinho se deve à persistência com que ele buscou a Verdade.
Trilhou veredas de erros como o materialismo, o racionalismo, o ceticismo, mas, iluminado pela graça divina que veio em ajuda à sua inteligência privilegiada, acabou por encontrar a autêntica doutrina. Nos seus escritos se percebe uma sinceridade fascinante, impregnada de uma humildade arrebatadora.
 


Ler Agostinho é encontrar um roteiro muito humano de como se deve buscar o verdadeiro pábulo intelectual para a inteligência e o bem supremo para o coração. Ele deixa claro que quem não se empenha em chegar ao porto da eternidade estará sempre frustrado.

A universalidade e a profundidade de seus ensinamentos estão unidas a uma linguagem filosófica, teológica, mística, poética que encanta a cada passo.
A interioridade a que levam seus escritos é um dos pontos mais luminosos de toda a sua obra. Ele escreveu num de seus comentários ao Evangelho de São João: Explora e reconhece o que existe dentro de ti. Desce à tua intimidade. Desce à câmara secreta da tua consciência. Se te afastas de ti mesmo, como poderás aproximar-te de Deus? Ele declarou que só queria conhecer Deus e a alma.
Então nas profundezas da mente humana ele deparou a imagem divina. Deste modo o ser humano então pode se elevar até Deus e encontrar nele a razão de ser da sabedoria e do amor. No campo teológico, o sentido profundo do mistério imerge o leitor numa arraigada fé, numa esperança fulgente e sobretudo num oceano de amor.
 


Dirá Agostinho: Ama e faze o que quiseres! Abre-se um horizonte infinito e a alma se vê imersa num notável clima sobrenatural.

Estremecimento profundo de emoção e de estupor se apossa então do estudioso de seus trabalhos lavrados com tanta acuidade.
A Verdade, porém, patenteada por Agostinho penetra suavemente o ser humano e este compreende então que Deus é, de fato, Amor! É que para Agostinho o amor é a força motriz do mundo humano, a razão que governa os seres humanos e os faz dançar à sua música.

Obras mais importantes
Confissões - obra autobiográfica
A Cidade de Deus


A Trindade


Ensaios Filosóficos


Tratados educacionais e Tratados bíblicos

Sobre a vida religiosa: textos dogmáticos e apologéticos
..
 
...
  




 
 

ACONTECEU O ENCONTRO VOCACIONAL AGOSTINIANO RECOLETO NA CAPELINHA - FRANCA-SP.

Paróquia Nossa Senhora Aparecida
Franca-SP



Aconteceu neste último final de semana passado,  dias 15 e 16 de março de 2014 o Encontro Vocacional Agostiniano Recoleto no Seminário Nossa Senhora Aparecida, na cidade de Franca-SP. O encontrou contou com a presença de vários jovens daquela região que sentem-se chamados à vida agostiniana recoleta. Esteve a frente dos trabalhos, o promotor vocacional provincial: Frei André Pereira, oar e também Frei Rhuan, oar. 
 
E você jovem? Venha ser um Agostiniano Recoleto!
 "Tarde de amei, beleza infinita. Tarde de amei, tarde te amei, beleza sempre antiga e sempre nova....no entanto Senhor estavas dentro em mim e eu fora de ti..."
 
Frei Ricardo, oar
 











 

CONVITE PARA MISSA DE POSSE DO NOVO PÁROCO DA PARÓQUIA NOSSA SENHORA DA CONSOLAÇÃO: FREI AGOSTINHO MOROSINI.

Paróquia Nossa Senhora da Consolação
Cachoeiro do Itapemirim-ES


 
A Província Santa Rita de Cássia da Ordem dos Agostinianos Recoletos, a Diocese de Cachoeiro de Itapemirim e a Paróquia Nossa Senhora da Consolação tem a honra de convidar você e seus familiares para Missa de Posse de Frei Agostinho Morosini, O.A.R. como novo pároco da Paróquia Nossa Senhora da Consolação, a ser realizada no dia 23 de março de 2014, domingo, às 19h, com a presença do Bispo Diocesano Dom Frei Dario Campos, O.F.M.
 Fonte: Blog da Consolação