16 de ago de 2014

INICIOU-SE O ENCONTRO DA JUVENTUDE AGOSTINIANA RECOLETA NA CAPELINHA – FRANCA-SP.

JAR Província Santa Rita de Cássia
Franca-SP

Frei Afonso com os jovens durante a celebração eucarística
 
        No início desta passada noite (15-08-2014) começou o Encontro das JAR de Itaúna - MG, Franca e Ribeirão Preto-SP na Capelinha - Paróquia N. Sra. Aparecida - Franca.

        Rezemos por estes jovens que vivem em uma só alma e um só coração.

        Durante todo o encontro temos mais fotos... Fiquem ligadinhos Aproveitem e nos sigam no TWITTER: @oarsantarita ou no INSTAGRAM: oarsantarita.

Frei Rodolfo, OAR


Saiba mais acessando a nossa WEB OFICIAL:  

 

 Segue algumas fotos do encontro:
 



30 E 31 DE AGOSTO DE 2014: EVAR NA FAZENDA DO CENTRO.

SAV Província Santa Rita de Cássia
Brasil


DIA 14-08-2014, NA CIDADE DE BELÉM-PA: FREI GUSTAVO ASSINOU O ACORDO COM A REDE NAZARÉ DE TELEVISÃO PARA RETRANSMISSÃO EM LÁBREA-AM.

Prelazia de Lábrea
Lábrea-AM


        Nesta quinta-feira, dia 14 de agosto de 2014, em passagem por Belém do Pará, Frei Gustavo se encontrou com dirigentes da Fundação Nazaré de Comunicação para acertar os últimos detalhes referentes à instalação dos equipamentos para retransmissão da Rede Nazaré de Televisão.

        Na foto em destaque estão presentes (da esquerda para direita): Sidney Mendes (Diretor de Programação da TV); Raimundo Brabo (Coordenador Técnico da TV); Bernadete Costa (Coordenadora do Jornal Voz de Nazaré); Frei Gustavo (Prelazia de Lábrea); e Mário Jorge (Diretor Geral de Comunicação).
 
         A Prelazia de Lábrea já possui essa concessão para retransmissão da TV Nazaré, porém restavam alguns detalhes técnicos para que a mesma pudesse começar a funcionar na Cidade de Lábrea.

        Para a Pastoral da Comunicação de Prelazia isso se torna um grande avanço, pois serão realizadas gravações de programas locais, tais como mensagens do bispo, transmissão da Santa Missa, ou até mesmo, um telejornal, dentre outros.

Que o Senhor ilumine a todos os envolvidos na comunicação, para que seja um meio eficaz de evangelização para todos os povos.

Frei Gustavo Barbiero Mello, oar

 
Saiba mais acessando a nossa WEB OFICIAL:  


 
Frei Gustavo nos estúdios da TV Nazaré em Belém-PA

13 de ago de 2014

A VIDA CONSAGRADA NA IGREJA - ARTIGO DE FREI MÁRIO APARECIDO.

Província Santa Rita de Cássia
Brasil



NO PRÓXIMO DOMINGO (17/08/2014) CELEBRAREMOS O DIA DE TODOS OS (AS) RELIGIOSOS (AS). NESTE ESPÍRITO, COMPARTILHAMOS AQUI UM ARTIGO REDIGIDO PELO RELIGIOSO FREI MÁRIO APARECIDO, OAR, NO QUAL NOS CONVIDA A REFLEXÃO SOBRE A VIDA CONSAGRADA NA IGREJA.

No Código de Direito Canônico antigo da Igreja, fazia-se distinção entre Congregação Religiosa e Ordem Religiosa, que juridicamente supunha também algumas diferenças. Com a reforma promovida em toda a Igreja pelo Vaticano II, esta distinção perdeu o seu sentido, já que o Documento Perfectae Caritatis, no número 1, fala de três estados de vida consagrada que são: os religiosos, os que pertencem aos Institutos Seculares e os das Sociedades de vida Apostólica, englobando-os todos à vida consagrada. Portanto, o novo Código de Direito Canônico (1983), não utiliza mais a expressão Ordens ou Congregações Religiosas, mas define, no cânon 607, que “o instituto religioso é uma sociedade, na qual os membros, de acordo com o direito próprio, fazem votos públicos perpétuos ou temporários a serem renovados ao término do prazo, e levam vida fraterna em comum.” Em 1912, quando a Congregação dos Agostinianos Recoletos recebeu do Papa Pio X o título de Ordem Religiosa, supunha uma autonomia jurídica total da Ordem Agostiniana antiga da qual havia surgido. Por isto esta comemoração é para nós, agostinianos recoletos, motivo de júbilo. Os Agostinianos Recoletos existem desde o século XVI (1588), mas o título de Ordem religiosa lhes foi dado a apenas 100 anos. Muitas vezes, o nosso povo não consegue fazer muita distinção entre o chamado “clero religioso” e “clero diocesano”. Na realidade, é muito simples: os padres que fazem parte do clero religioso pertencem a um Instituto Religioso. Somos nós, agostinianos recoletos, os salesianos, franciscanos, dominicanos, camilianos, os do amor misericordioso, etc. Os padres que fazem parte do clero diocesano pertencem à Diocese. Estes não são filiados (incardinados) a um Instituto Religioso, mas à Diocese a que pertencem. Todos nós estamos a serviço da mesma Igreja particular, que é a Diocese, e, enquanto tal, prestamos obediência ao Bispo Diocesano, mas nenhum padre perde sua característica de pertença e carisma. Por tradição, os padres que pertencem a uma Ordem religiosa são chamados de Frades, que vem do latim “Frater” e significa “irmão”. Por isso, a forma de tratamento é Frei. Os padres diocesanos e os dos Institutos Religiosos modernos não são chamados de Frei, mas de Padre. Como costumo brincar: “nem todo padre é frei e nem todo frei é padre”. Quer dizer, o padre diocesano não é frei e na Ordem Religiosa pode ter frei que não seja ordenado padre. Ta claro?

Frei Mário Aparecido – OAR



 
 
Saiba mais acessando a nossa WEB OFICIAL:  







11 de ago de 2014

DIAS 30 E 31/08/2014 ACONTECERÁ O ENCONTRO VOCACIONAL AGOSTINIANO RECOLETO NA FAZENDA DO CENTRO (CASTELO-ES).

SAV Porvíncia Santa Rita
Brasil


        Segue o e-mail enviado pelos promotores vocacionais da Província, pedindo orações pelo Encontro Vocacional que acontecerá em Castelo-ES no último final de semana do mês de agosto/2014:  

Gratia et pax...

Boa tarde caríssimos confrades...

        Segue em anexo a programação de nosso Encontro Vocacional que acontecerá em Castelo, na Fazenda do Centro. 


ENCONTRO VOCACIONAL AGOSTINIANO RECOLETO

Fizeste-nos, Senhor, para vós!

 
PROGRAMAÇÃO
 

Sábado (30/08)

7h: Laudes – Chegada  - Café da manhã

8h30min: Acolhida – Apresentação

9h: 1ª reflexão: História de Santo Agostinho

10h: Intervalo – Café

10h30min: Vocação e Família

11h30min: Intervalo

11h45min: Hora Média

12h: Almoço – Recreação

13h30min: Descanso

14h: 2ª A Ordem dos Agostinianos Recoletos

14h40min: Intervalo

15h: Nona

17h: Banho

18h: Terço e vésperas

19h: Jantar

20h: Filme

22h: Completas – Descanso

 

Domingo (31/08)

7h: Laudes – Café

8h30min: Filme: Missão na China

9h30min: Deserto (Rm 13,13-14) – Conversa pessoal

11h: Eucaristia

         Estamos contando com a presença de 18 jovens dos Estados do Rio de Janeiro, Espírito Santo e Minas Gerais.

Pedimos a oração de vossa caridade para que nossos irmãos vocacionados estejam com o coração inflamado para o seguimento de Nosso Senhor Jesus Cristo, segundo os passos de Nosso Pai Sto. Agostinho por mediação e ajuda de seus filhos Agostinianos Recoletos. 

Fraternalmente, em nosso Pai Sto. Agostinho, tendo uma só alma e coração para Deus...

“Busquemos a Deus... Busquemos a quem devemos encontrar e, uma vez encontrado, continuemos buscando-o. Está oculto para que o busquemos; e é imenso para que, mesmo depois de achado, sigamos buscando-o”.  (Santo Agostinho In Io. ev. tr. 63,1)

 
Frei André Pereira de Arruda, OAR
Frei Wesley Silva Rosa, OAR
 
 
Alguns vocacionados com Frei Wesley e Frei Edmilson durante o último EVAR (primeiro semestre de 2014) em Muqui-ES
 


Alguns vocacionados com Frei André e Frei Rhuam durante o EVAR no primeiro semestre de 2014 em Franca-SP

 
SAIBA MAIS ACESSANDO O NOSSO SITE OFICIAL:


NO DIA DA MEMÓRIA (11/08) DE SANTA CLARA DE ASSIS ASSISTA AO FILME DE SUA BELÍSSIMA HISTÓRIA.

Província Santa Rita de Cássia
Brasil

Ícone de Santa Clara de Assis


        Santa Clara de Assis (em italiano, Santa Chiara d'Assisi) nascida como Chiara d'Offreducci em Assis (Itália), no dia 16 de Julho de 1193, e falecida em Assis, no dia 11 de Agosto de 1253, foi a fundadora do ramo feminino da ordem franciscana, a chamada Ordem de Santa Clara (ou Ordem das Clarissas).

        Pertencia a uma nobre família e era dotada de grande beleza. Destacou-se desde cedo pela sua caridade e respeito para com os pequenos, tanto que, ao deparar-se com a pobreza evangélica vivida por São Francisco de Assis, foi tomada pela irresistível tendência religiosa de segui-lo.

        Enfrentando a oposição da família, que pretendia arranjar-lhe um casamento vantajoso, aos dezoito anos, Clara abandonou o seu lar para seguir Jesus mais radicalmente. Para isto foi ao encontro de São Francisco de Assis na Porciúncula e fundou o ramo feminino da Ordem Franciscana, também conhecido por "Damas Pobres" ou Clarissas. Viveu na prática e no amor da mais estrita pobreza.

        O seu primeiro milagre foi em vida, demonstrando a sua grande fé. Conta-se que uma das irmãs da sua congregação havia saído para pedir esmolas para os pobres que iam ao mosteiro. Como não conseguiu quase nada, voltou desanimada e foi consolada por Santa Clara que lhe disse: "Confia em Deus!". Quando a santa se afastou, a outra freira foi pegar no embrulho que trouxera e não conseguiu levantá-lo, pois tudo havia se multiplicado.

        Em outra ocasião, aquando da invasão de Assis pelos sarracenos, Santa Clara apanhou o ostensório com a hóstia consagrada e enfrentou o chefe deles, dizendo que Jesus Cristo era mais forte que eles. Os agressores, tomados de repente por inexplicável pânico, fugiram. Por este milagre Santa Clara é representada segurando o Ostensório na mão.

        Um ano antes de sua morte em 1253, Santa Clara assistiu a Celebração da Eucaristia sem precisar sair do seu leito. Neste sentido é que é aclamada como protetora da televisão.

        Diversos episódios da vida de Santa Clara e São Francisco compõem os Fioretti de São Francisco. Escritos muitos anos após a morte de ambos, é difícil atestar a correção destes relatos, mas, com certeza, retratam bem o espírito de ambos e os primeiros acontecimentos quando da criação das Ordens Franciscanas.


CLIQUE NO LINK ABAIXO E ASSISTA A HISTÓRIA DE SANTA CLARA DE ASSIS.
 

Edição para o Blog da Província: Frei Ricardo, OAR

  

O corpo incorrupto de Santa Clara, em Assis
 
 
SAIBA MAIS ACESSANDO O NOSSO SITE OFICIAL:

 

PRELAZIA AGOSTINIANA RECOLETA DE LÁBREA ENVIA MISSIONÁRIO À SOMÁLIA.

Prelazia de Lábrea
Lábrea-AM

Padre Éder: segundo em pé da esquerda para direita


        A Prelazia de Lábrea envio no dia 28 de junho de 2014 o padre Éder Carvalho para missão Ad gentes na Somália. Conforme matéria abaixo o missionário se prepara no Centro Cultural Missionário em Brasília.


Missionários preparam-se para desafios fora do país

        Missionários enviados além-fronteiras participam, desde o dia 3 de agosto, do Curso Ad Gentes, promovido pelo Centro Cultural Missionário (CCM). Estão presentes 30 pessoas, entre leigos, presbíteros e religiosas que seguirão em missão para países como Moçambique, Angola, Guiné Bissau, Síria, Israel, Haiti, Timor Leste e Somália.

        O curso prepara os missionários para os desafios fora do país, longe de sua cultura e igreja de origem. No evento, são apresentadas as sete dimensões da missão: humano-afetiva, bíblica, histórica, geográfica, antropológica, teológica e espiritual. Além disso, há a dimensão prática da missão, que inicia os participantes em algum idioma estrangeiro, como o inglês e o francês.

        A psicóloga e assessora da Conferência dos Religiosos do Brasil (CRB), irmã Maria de Fátima Morais, explica que o primeiro bloco da formação concentra- se na dimensão humano-afetiva. “Estamos trabalhando a questão da relação tendo como base a pessoa de Jesus e as relações que ele vai tecendo com seus discípulos ao longo do caminho. Na afetividade que é o amor, acolhida mútua, os discípulos vão superando os desafios e os conflitos e partem em missão. Quando eles olham para Jesus conseguem dar esse passo”, acrescenta a psicóloga.

        Irmã Maria de Fátima ainda destaca que a hospitalidade, o diálogo, os valores e as relações são o que fazem as pessoas se tornarem cada vez mais humanas. “Ao se pisar em uma nova realidade, o missionário deve se colocar numa atitude de escolha. É necessário ter humildade para acolher o próximo na sua diferença e, ainda, amar o outro para lidar com os novos desafios”, acredita.

        O diretor do CCM, padre Estevão Raschietti, recorda que a missão requer sempre mais formação, conhecimento e capacitação. “As circunstâncias onde os missionários e as missionárias encontram-se não são entre as mais favoráveis. Diversas situações desafiam as condições físicas, psíquicas e espirituais dos agentes. Por isso é preciso muita disposição, maturidade humana, motivações e uma boa caminhada discipular para poder lidar com os encontros e desencontros que a missão ad gentes proporciona”, lembra.

Fonte: CNBB.org.br

 
Edição para o Blog da Província: Frei Ricardo, OAR
 

SAIBA MAIS ACESSANDO O NOSSO SITE OFICIAL:

  




 

AGOSTO: MÊS VOCACIONAL - ARTIGO DE FREI RICARDO.

Província Santa Rita de Cássia
Brasil



Amados irmãos e irmãs!

        Neste mês de agosto a Igreja no Brasil reflete sobre as diversas vocações. No primeiro domingo é refletido sobre a “VOCAÇÃO À VIDA SACERDOTAL”, ou seja, celebramos o “DIA DO PADRE”. Já no segundo domingo refletimos sobre a “VOCAÇÃO FAMILIAR” com o “DIA DO PAI”. O terceiro domingo está reservado à “VOCAÇÃO RELIGIOSA CONSAGRADA” e, finalizando o mês vocacional, no quarto domingo, refletimos sobre a “VOCAÇÃO LAICAL”.

        Neste mês vocacional, rezemos por todas as vocações específicas. Que o Senhor envie “santas e boas vocações religiosas e sacerdotais para vossa extensa messe”. Que nossos jovens se preparem com responsabilidade para formarem famílias segundo o Coração de Jesus, que se amem e se respeitem profundamente, sendo pais e mães de família comprometidos com a causa social, eclesial e humana.

        Enfim, que tenhamos a coragem e a disponibilidade para assumirmos realmente nosso compromisso de batizados (as) na comunidade eclesial e social. Assim buscaremos o verdadeiro discipulado e missionariedade a “Jesus Cristo, Caminho, Verdade e Vida”.

                Queridos irmãos e irmãs, sejamos verdadeiros discípulos e missionários de Nosso Senhor Jesus Cristo em nossas comunidades locais e essencialmente no seio de nossas famílias, nossa primeira comunidade cristã.

Frei Ricardo A. Dias, OAR
 

 
SAIBA MAIS ACESSANDO O NOSSO SITE OFICIAL: