13 de jun de 2017

ABERTURA DO “ANO DA SANTIDADE AGOSTINIANO-RECOLETO” NA PARÓQUIA NOSSA SENHORA DAS GRAÇAS EM FRANCA-SP.

Paróquia Nossa Senhora das Graças
Franca-SP.


        No dia da Solenidade da Santíssima Trindade (11/06/2017), iniciamos o “Ano da Santidade Agostiniano-Recoleto” na Paróquia Nossa Senhora das Graças (Franca/SP). A vela comemorativa foi acesa pelo bispo de Franca - SP, Dom Paulo Roberto Beloto.

        A Ordem dos Agostinianos Recoletos (OAR) promulgou o Ano da Santidade desde 5 de março até 13 de novembro (2017), festa de Todos os Santos da Ordem. Lema: Chamados a ser santos.

        O agostiniano está chamado a viver a santidade na Igreja com fidelidade ao carisma na Ordem, na coerência de vida, na disponibilidade para evangelizar e do serviço aos mais pobres. Cada um deve sentir-se pessoalmente chamado à santidade.

        A santidade nasce do encontro pessoal e comunitário com Jesus. Este encontro nasce na oração, sem a qual não podemos ser santos. Ver a realidade com os olhos da fé e apaixonar-nos pelo Reino.

        Neste Ano da Santidade coincidem vários fatos que nos recordam a santidade de nossos irmãos e irmãs agostinianos. Viver o carisma Agostiniano Recoleto como um caminho certo e seguro à santidade. Nosso estilo é a configuração à Jesus Cristo.

        Destacamos neste ano: 

• 150 anos da beatificação de Francisco de Jesus e Vicente de Santo Antônio, com os três religiosos irmãos, catequistas japoneses, mártires do Japão.

• 75 anos da morte do servo de Deus Ignácio Martínez, administrador apostólico de Lábrea – Amazonas, BR. 

• 50 anos da morte da beata Maria de São José, fundadora das Agostinianas Recoletas do Coração de Jesus. 

• 30 anos da canonização de santa Madalena de Nagasaki, terciária agostiniana recoleta, japonesa. 

• 25 anos da canonização de santo Ezequiel Moreno, espanhol, bispo de Pasto, na Colômbia.

        Além disto, neste ano de 2017, será apresentada à Congregação das Causas dos Santos a “positio” do Servo de Deus Frei Jenaro Fernández Echeverría. Também esperamos a aprovação das virtudes heroicas de Madre Mariana de São José, fundadora das Agostinianas Recoletas. E rezamos pela história da Missionária Agostiniana Recoleta Irmã Cleusa Carolina Rody Coelho, que nasceu em Cachoeiro de Itapemirim – ES - BR, aos 12 de novembro de 1933, filha de Jair Moreira Coelho e Francisca Rody Coelho.

        Todas essas ações se somam às celebrações e festas de nossos santos agostinianos: santo Agostinho, santa Mônica, entre outros.

Unidos em oração seguindo os passos de Nosso Bom Pastor, Jesus.

Por Frei Didier Esperidião Neto, OAR – Franca/SP.
Edição para o Blog: Frei Ricardo Alberto Dias, OAR – Franca/SP.


Algumas fotos da celebração:





Saiba mais acessando a nossa WEB OFICIAL:



Nenhum comentário:

Postar um comentário